Curitiba: Festa das Lanternas e Balé Quebra Nozes encantam o público na noite de domingo

 

A  noite de domingo (12/12) foi marcada por duas atrações especiais do Natal de Curitiba – Luz dos Pinhais: a Laternenfest, no Bosque Alemão, e o Balé Quebra Nozes, nas Ruínas de São Francisco.


Ao anoitecer, dezenas de famílias com suas crianças se reuniram no Oratório de Bach, no Bosque Alemão, para a Noite das Lanternas, uma tradição germânica que foi incorporada à programação natalina de Curitiba. 

A festividade começou com apresentações do Centro de Idioma e Educação Infantil Vogelnest e do Grupo Infantil do Original Einigkeit Tanzgruppe da Sociedade Thalia.

Na Laternenfest se comemora o Dia de São Martinho, que simbolicamente apareceu montado em seu cavalo branco para conduzir as crianças numa caminhada pela Rua Nicolo Paganini até o portal da Casa Mila, onde foram recepcionados pela Banda da Caximba.


“Quero agradecer os curitibinhas, meninas e piás que vieram encher de luzes essa noite que precede o santo Natal de 2021. Viemos pedir que a escuridão vá embora e que a luz da nossa fé brilhe, que a nossa cidade seja um lugar abençoado”, disse o prefeito Rafael Greca ao final da caminhada. 

Luzes

Os pais e crianças que participaram da festa confeccionaram as lanternas em casa, de forma artesanal, utilizando velas ou microlâmpadas de led. As luzes simbolizam o bom caminho e o exemplo de vida do santo que se dedicou a ajudar o próximo e a ensinar o bem.


O empresário Kleber Pacheco tratou de adaptar latas de panetone e produziu lanternas para a filha Valentina, de 5 anos, e para os amiguinhos da Escola Aurora, Marc e Clara, que também compareceram com os pais. “Combinamos de vir juntos. Essa época é boa uma oportunidade de transmitir o espírito de união e fraternidade para as crianças”, disse Kleber.  


A advogada Gabriela Rubin Toazza levou os três filhos para a caminhada. “Nós conhecemos a festa e ficamos felizes de poder participar novamente. Esses passeios ao ar livre têm muito significado, pois tira um pouco as crianças do ambiente tecnológico em que vivem”, constata.

O balé

A apresentação do Balé Quebra Nozes no palco das Ruínas de São Francisco arrancou aplausos da plateia.  As escadarias ficaram lotadas até o final, após uma hora e meia de espetáculo.


O prefeito Rafael Greca elogiou a produção primorosa da Curitiba Cia de Dança, e agradeceu os bailarinos, o público e o patrocinador, o Banco do Brasil. 

“A Fundação Cultural de Curitiba tem a honra de oferecer essas ruínas magníficas, esse Belvedere histórico e esse lugar sagrado do Rosto da Cidade, para uso do povo no momento da retomada da economia e da saúde em Curitiba”, declarou Greca, pedindo que a população se vacine contra covid-19 para combater a pandemia. “Uma cidade inteligente é uma cidade imunizada e que respeita a vida”, disse.


Ana Paula Ribeiro, os filhos Maria Clara e Artur, e o esposo Renner, moradores do Atuba, estavam na plateia e gostaram da apresentação. “Achei muito bacana toda a programação que Prefeitura está proporcionando neste Natal, neste momento de retomada depois da pandemia, de forma bem organizada, com agendamento e tudo gratuitamente”, opinou.

   Ana Paula conta que a família fez os agendamentos no site do Natal e já conheceu a maioria das atrações, inclusive percorreu de carro os Caminhos de Luz do Passeio Público, do Parque Barigüi e do Parque Náutico.


Estiveram presentes acompanhando os espetáculos a secretária municipal de Comunicação Social, Cínthia Guenguini, a presidente da Fundação Cultural de Curitiba, Ana Cristina de Castro, a presidente do Instituto Curitiba de Turismo, Tatiana Turra, o diretor de Ação Cultural da FCC, Edson Bueno, e o presidente do Instituto Curitiba de Arte e Cultura, Marino Galvão Júnior.

Fonte: SMCS 

© Copyright 2007 - 2022 Jornal de Curitiba
Desenvolvido por Editora MR Agência Digital