Quer participar do Câmbio Verde? Veja o calendário de 2022

 Já estão no site da Prefeitura de Curitiba as novas datas e locais dos 103 pontos de troca do Câmbio Verde, programa do município que distribui hortifrutis mediante a entrega de materiais recicláveis e óleos vegetal e animal. O calendário de 2022 pode ser acessado diretamente neste link.

Foto: Levy Ferreira/SMCS

Já estão no site da Prefeitura de Curitiba as novas datas e locais dos 103 pontos de troca do Câmbio Verde.

O funcionamento continua o mesmo - cada quatro quilos de lixo reciclável podem ser trocados por um quilo de frutas e verduras. E cada quatro litros de óleo valem um quilo de alimento. As trocas acontecem quinzenalmente – exceto em feriados – de terça a sexta-feira. No calendário, também estão os endereços e os horários de permanência dos caminhões. 


O diretor do Departamento de Limpeza Pública da Secretaria do Meio Ambiente, Edelcio Marques dos Reis, lembra que quanto mais separado e acondicionado o material a ser levado para a troca, melhor. “O ideal é que seja feita uma higienização básica para retirar restos de alimentos das embalagens, por exemplo”, explica.


O material recolhido tem o mesmo destino do que é levado pelos caminhões da coleta seletiva (Lixo Que Não É Lixo), ou seja, os barracões das associações do Ecocidadão, que fazem a separação e a venda do material. 


Qualidade nutricional e desenvolvimento da RMC

Mais do que ajudar a cidade a dar o destino correto aos resíduos, o Câmbio Verde, realizado em parceria entre as secretarias do Meio Ambiente e da Segurança Alimentar e Nutricional,  ganhou importância durante a pandemia do novo coronavírus com o seu viés de melhorar (e garantir) a qualidade nutricional da alimentação dos curitibanos, por meio da produção de agricultores familiares da Região Metropolitana de Curitiba. 


Por mês, são levadas cerca de 220 toneladas de material aos pontos e atendidas mais de cinco mil pessoas. 

© Copyright 2007 - 2022 Jornal de Curitiba
Desenvolvido por Editora MR Agência Digital