Curitiba é eleita a cidade mais inteligente do mundo em premiação na Espanha




O prefeito Rafael Greca recebeu o principal prêmio do World Smart City Awards, na categoria "Cidades". Foto: Divulgação iCities

@SMCS 

Curitiba foi eleita nesta quarta-feira (8/11), em Barcelona, na Espanha, a Cidade Mais Inteligente do Mundo de 2023. O prefeito Rafael Greca recebeu o principal prêmio do World Smart City Awards, na categoria “Cidades”, pelas políticas públicas, ações e programas de planejamento urbano inteligentes da Prefeitura de Curitiba voltados ao crescimento socioeconômico e à sustentabilidade ambiental.

O World Smart City Awards, concedido pela Fira Barcelona, é considerado a principal premiação de cidades inteligentes do mundo. Esta foi a quinta vez que a capital paranaense ficou entre as seis cidades mais inteligentes do mundo, finalistas do prêmio.

"Curitiba é a cidade mais inteligente do mundo em 2023, nos 330 anos de sua existência. Mas o que há de mais inteligente em Curitiba é o seu povo, que com uma plena cidadania guarda Curitiba do lado esquerdo do seu peito e faz da cidade um lugar para ser compartilhado, para ser ensinado aos filhos e aos filhos dos filhos, para ser amado pelas mulheres e pelos homens e pelos avôs e avós. Viva Curitiba, vivam os curitibinhas, viva a inteligência dessa cidade singular", disse Greca, emocionado, na entrega do prêmio em auditório do Smart City World Expo Congress, o maior fórum internacional de cidades inteligentes.

A categoria "Cidades" do World Smart City Awards 2023 ainda teve como finalistas, além de Curitiba: Barranquilla (Colômbia), Izmir (Turquia), Makati (Filipinas), Cascais (Portugal) e Sunderland (Inglaterra).

Greca está em Barcelona acompanhado da primeira-dama, Margarita Sansone; do presidente da Câmara Municipal de Curitiba, Marcelo Fachinello; do diretor do iCities, Beto Marcelino; do presidente da Agência Curitiba de Desenvolvimento e Inovação, Dario Paixão; do secretário municipal de Administração, Gestão de Pessoal e Tecnologia da Informação, Alexandre Jarschel de Oliveira; e do presidente do Instituto Municipal de Administração Pública (Imap), Alexandre Matschinske.

Pioneirismo no DNA
Cidade da primeira universidade do Brasil, da primeira rua exclusiva para pedestres e referência em transporte público, planejamento urbano e preservação ambiental, Curitiba vem recuperando nos últimos sete anos seu DNA de inovação, graças a iniciativas de cidade inleligente desenvolvidas pela gestão do prefeito Rafael Greca. Assim, tornou-se a cidade da Pirâmide Solar, das Fazendas Urbanas, do Bairro Novo da Caximba, do plantio de mais de 400 mil árvores, dos 48 parques e do acesso à alimentação saudável.

Também é referência nacional nos últimos anos como Cidade Educadora, com o incentivo à cultura maker através do Fab Lab Cajuru e dos Faróis do Saber Inovação; da Saúde 4.0, com o aplicativo Saúde Já e a Central Saúde Já; da Muralha Digital e da aposta na eletromobilidade com os novos Inter 2 e BRT Leste-Oeste.

"A Prefeitura de Curitiba tem implantado soluções para manter a construção de uma cidade mais sustentável e inovadora, alinhada aos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável (ODS) da Organização das Nações Unidas (ONU)", reforça o prefeito Rafael Greca.

Além disso, com o Vale do Pinhão, a Prefeitura de Curitiba e o ecossistema de inovação da capital atuam para promover o desenvolvimento socioeconômico de empresas e pessoas, com incentivos fiscais como o Tecnoparque; consultorias; desburocratização (uma nova empresa na cidade hoje é aberta no tempo recorde de 2 horas, em média); parcerias público-privadas para modernização da iluminação pública; oferta programas de capacitação e geração de empregos e desenvolvimento do empreendedorismo, como Escola de Inovação de Curitiba, Bom Negócio, Curitiba Empreendedora, Empreendedora Curitiba, Liceus de Ofícios Criativos, 1º Empregotech e Empregotech 40+.

Eletromobilidade
Entre as ações sustentáveis, a cidade que criou os ônibus BRT (Bus Rapid Transit, os biarticulados e suas estações-tubo) nos anos 1990, hoje avança para a eletromobilidade, com os testes dos ônibus elétricos que vão operar a partir de 2024, e já tem veículos elétricos nas frotas da Guarda Municipal e táxis, além das bicicletas compartilhadas (mecânicas e elétricas).

Segurança Alimentar
No acesso à alimentação saudável, Curitiba é destaque no compromisso com a segurança alimentar em 35 unidades de Armazéns da Família; 11 Sacolões da Família; cinco Restaurantes Populares; a Fazenda Urbana, do Cajuru e a futura unidade da CIC, que já conta com uma agrofloresta; 150 hortas urbanas; cinco unidades do programa Mesa Solidária e o Banco de Alimentos.

Meio Ambiente
Na sustentabilidade ambiental, Curitiba está investindo na redução das emissões de carbono para enfrentar as mudanças climáticas: a cidade inaugurou este ano a Pirâmide Solar de Curitiba, a primeira usina fotovoltaica instalada sobre um aterro desativado da América Latina.

Também conta com o programa Curitiba Mais Energia, com a instalação dos painéis fotovoltaicos em diversos pontos da cidade, e a miniusina hidrelétrica CGH Nicolau Kluppel, no Parque Barigui.

Os programas 100 mil árvores e Amigo dos Rios contribuem para tornar a capital uma cidade neutra em emissões até 2050. Já a Família Folhas é um dos projetos de Educação Ambiental para a população, que também conta com ações pioneiras de coleta consciente, Lixo que Não é Lixo e Ecocidadão e 103 pontos do Câmbio Verde.

Conectada
Curitiba é a cidade com maior uso do 5G no país e uma das primeiras capitais do país a receber, em 2022, o sinal da nova tecnologia de transmissão de dados via internet. Promovendo a inclusão digital dos curitibanos, o Wi-fi Curitiba oferece internet pública gratuita em 310 pontos da cidade, além de contar com aplicativos que levam serviços e informações do município para a palma da mão dos curitibanos, como Saúde Já, Curitiba App, 156 e Nota Curitibana.


Conheça os concorrentes

Barranquilla (Colômbia)
Ao integrar com sucesso a ação climática no seu planejamento urbano, Barranquilla está no caminho para se tornar a primeira “BiodiverCity” da América Latina, apostando em investimentos baseados em infraestruturas verdes e soluções sustentáveis destinadas a melhorar a qualidade de vida dos seus residentes.

Cascais (Portugal)
O Viver Cascais é um programa de fidelização de cidadãos que oferece acesso vantajoso a uma variedade de serviços e atividades (como mobilidade, saúde e cultura) através de um cartão único. O seu objetivo é melhorar o bem-estar e a qualidade de vida de todos os que vivem, estudam ou trabalham em Cascais.

Curitiba (Brasil)
Curitiba está enfrentando desafios urbanos com uma abordagem sustentável ao planejamento urbano inteligente, ao crescimento socioeconômico e à sustentabilidade ambiental. Ela está preparada para o futuro ao mesmo tempo em que cuida do seu presente, construindo uma cidade inteligente e sustentável que melhora a qualidade de vida dos cidadãos.

Izmir (Turquia)
O sistema inteligente de alarme de incêndio é um sistema que transmite informações em tempo real com baixa margem de erro para detecção e resposta rápida de incêndios. Em caso de possível incêndio, permite que as equipes recebam notificações rapidamente e realizem análises detalhadas de imagens.

Makati (Filipinas)
A cidade de Makati está demonstrando o uso de dispositivos e soluções IoT (internet das coisas) não apenas como uma ferramenta na criação de políticas baseadas em dados, mas também na criação de transformação comportamental entre os seus cidadãos. Eles estão sendo capacitados a serem administradores responsáveis dos recursos da cidade, levando a resultados sustentáveis e replicáveis.

Sunderland (Reino Unido)
Sunderland e a Boldyn Networks estão criando a cidade mais inteligente do Reino Unido, sem deixar ninguém nem lugar nenhum para trás. As tecnologias avançadas sem fios estão facilitando a transformação digital para todos. Uma plataforma de dados de cidades inteligentes está aproveitando dados, criando novos insights e gerenciamento em tempo real em toda a cidade.

Retrospecto premiado
Desde 2018, Curitiba figura entre as cidades de destaque no World Smart City Awards, premiação que inspira a criação do Smart City Expo Curitiba Brazilian Awards. Confira o retrospecto nesta importante premiação internacional de cidades inteligentes:

2022
Curitiba foi finalista na categoria City Award, com a proposta Segurança Alimentar e Nutricional - Agricultura Urbana e Desenvolvimento Social, que inclui iniciativas como a Fazenda Urbana, suas 145 hortas urbanas, Jardins de Mel, Mesa Solidária e Banco de Alimentos. O prefeito Rafael Greca foi eleito uma das quatro personalidades no mundo que têm contribuído de forma significativa para o avanço de projetos de cidades inteligentes nos últimos 10 anos.

2021
O Plano de Retomada Econômica de Curitiba foi escolhido como um dos seis projetos mais inovadores no World Smart City Awards 2021 sobre iniciativas relacionadas à covid-19, por contribuir para o sucesso da transformação, adaptação ou resposta da cidade à pandemia.

2019
A capital foi finalista do World Smart City Awards 2019 com o Vale do Pinhão, na categoria City Award, o movimento da Prefeitura e do ecossistema de inovação para levar o desenvolvimento sustentável para toda a cidade.

2018
Curitiba foi finalista na categoria Ambiente Urbano, com o projeto de Agricultura Urbana Horta do Chef, que incentiva agricultores urbanos a venderem parte dos alimentos que cultivam a restaurantes da cidade.
 



©1999 | 2024 Jornal de Curitiba Network BrasilI ™
Uma publicação da Editora MR. Direitos reservados.