Setor de Orgânicos do Mercado Municipal de Curitiba completa 15 anos

0

Foto: José Fernando Ogura/SMCS


@SMCS 

Pioneiro na oferta de orgânicos no país, o Setor de Orgânicos do Mercado Municipal chega a 15 anos de funcionamento na próxima segunda-feira (12/2). O local está em operação desde 12 de fevereiro de 2009 e foi o primeiro do Brasil a disponibilizar alimentos e outros produtos orgânicos em um mercado municipal.


A comemoração do aniversário será feita no dia 28 de fevereiro (quarta-feira), no local.

O setor oferta diversos produtos com a garantia de que são realmente orgânicos, com monitoramento constante da Prefeitura, o que é um de seus diferenciais. Tudo é elaborado de forma sustentável, já que o orgânico não é somente um produto sem agrotóxicos ou insumos químicos.


“Hoje, a alimentação orgânica já é um conceito. Além de ter uma alimentação mais saudável, sustentável e apoiar a agricultura familiar, a pessoa que opta pelos orgânicos está interessada em alimentos com mais qualidade”, explica Caroline dos Santos, vendedora no Setor de Orgânicos há mais de 10 anos.


O Setor de Orgânicos fica na entrada lateral do Mercado Municipal (Rua da Paz, 608) e funciona de terça a sábado, das 8h às 18h, e aos domingos, das 8h às 13h.


Sustentabilidade e mais qualidade

A alimentação orgânica vem atraindo cada vez mais pessoas de Curitiba e Região Metropolitana, tanto pela qualidade quanto pela preocupação com o meio ambiente, como relata Pâmela da Silva, de 24 anos.


“Eu sempre venho comprar orgânicos no Mercado Municipal para acompanhar minha família e noto uma qualidade muito maior nesses alimentos. Eu moro na Região Metropolitana, mas sempre que possível compramos aqui, porque a oferta é muito boa”, conta Pâmela.


Também há aqueles que só compram no Setor de Orgânicos do Mercado Municipal, como é o caso de Gustavo Rosa, de 32 anos. “Eu já venho aqui há alguns anos, esse é o lugar de orgânicos que mais frequento. Nós compramos aqui de tudo, principalmente o feijão. É bom tanto pelo sabor quanto por ajudar o meio ambiente e a nossa saúde”.


A vendedora Caroline dos Santos explica os principais diferenciais do Mercado Municipal. “Comprar orgânicos aqui é outra experiência. Nós temos muito mais variedade e é tudo mais fresco em comparação com a maioria dos mercados.”


Semana dos Orgânicos e reforma

Em 2023, o Setor de Orgânicos do Mercado Municipal teve conquistas importantes. Em maio, o espaço sediou mais uma edição da Semana dos Orgânicos, evento anual promovido pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento que busca incentivar o consumo de produtos orgânicos e divulgar seus benefícios nutricionais, ambientais e sociais.


No mesmo período, a Prefeitura de Curitiba revitalizou a cobertura de vidro do local, realizando limpeza e selagem e a troca da estrutura metálica, com criação de brises para ventilação e saída de ar quente.


Mais saudável

Os orgânicos fazem parte da forte demanda por produtos saudáveis e sustentáveis. Segundo o secretário de Segurança Alimentar e Nutricional, Luiz Gusi, a produção de orgânicos não contém agrotóxicos, transgênicos ou fertilizantes sintéticos, ao contrário do sistema convencional.


De acordo com ele, outro fator considerável é a competitividade. “Hoje nossas hortaliças no Setor de Orgânicos já estão mais acessíveis e têm preço bastante competitivo com o tradicional”, observa Gusi.


Rede de orgânicos

Além do Setor de Orgânicos do Mercado Municipal, Curitiba conta com 14 feiras orgânicas da Prefeitura. Nos espaços, são comercializados, além de frutas e verduras, carnes, grãos, sucos, leites, chocolates, cosméticos e até roupas sem produtos químicos na fabricação.


São 12 feiras orgânicas diurnas, que ocorrem no período da manhã, a partir das 7h, e duas noturnas, que acontecem das 16h às 20h.

Nenhum comentário

Postar um comentário

O Jornal de Curitiba reforça o compromisso com o jornalismo paranaense, profissional e de qualidade. Nossa redação produz diariamente informação responsável e que você pode confiar.
Siga o Jornal de Curitiba no Facebook, no Twitter e no Instagram. Ajude a aumentar nossa comunidade.
Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.
Registre sua opinião

©1999 | 2024 Jornal de Curitiba Network BrasilI ™
Uma publicação da Editora MR. Direitos reservados.